terça-feira, 29 de agosto de 2017

Reflexos do ódio

Insanidade - A realidade da educação não é fácil de enfrentar. Nas periferias das grandes cidades não são incomuns os episódios de brigas entre alunos, de ameaças a educadores e de agressões a professores. A veiculação de notícia sobre a agressão de um aluno contra uma professora, caso registrado em Santa Catarina, provocou comentários generalizados que são reveladores sobre os reflexos do desenvolvimento de uma cultura de ódio e de intolerância. Houve até quem aprovasse a atitude condenável do adolescente, numa atitude que pode estimular a repetição de episódios semelhantes.     

Reflexos I - O ódio, mais evidente nas redes sociais, é responsável por um comportamento coletivo insano e pelo desenvolvimento de ideologias que são contrárias ao desenvolvimento humano. O sentimento não é somente causador de pronunciamentos, estúpidos e descabidos, sobre agressões. Também contribui para o reconhecimento político de figuras públicas que, por seu comportamento odioso, deviam estar relegadas a um espaço reservado ao esquecimento.

Reflexos II - O crescimento da simpatia por figuras públicas como Jair Bolsonaro é um dos reflexos do desenvolvimento da cultura do ódio, mas a insanidade, desgraçadamente não se limita a isso. O golpe de 2016 foi justificado pela legitimidade das ruas, em nome de um ódio exacerbado em relação ao PT. Muitos dos que se declararam contra o presidente Lula e a presidenta Dilma, e que ocuparam as ruas para apoiar o "impeachment", não tiveram a dimensão das consequências do golpe. Parte dos seguidores do "Pato da Fiesp" serão penalizados por um retrocesso inimaginável.

Reflexos III - O desenvolvimento da cultura do ódio também contribui para o aumento da exclusão social. Ao legitimar o golpismo, os seguidores do "Pato da Fiesp" também apoiaram, ainda que sem saber, o corte de gastos públicos que vai resultar na eliminação de programas sociais e de políticas públicas de inclusão social e de distribuição de renda. Os reflexos futuros desse tipo de sentimento podem ser ainda mais graves, pois, em geral, resultam na legitimação do preconceito e do cometimento de de atos oficiais violentos. 

Luta permanente e contínua

Destruição  - Por ocasião da morte de mais um militante metalúrgico da cidade de São Paulo, texto de autoria do companheiro Sebastião Net...